woohoo news

notícia


4/6/2012

Show de tubos no retorno de Fiji ao ASP World Tour

Adriano de Souza, Heitor Alves e Alejo Muniz venceram suas baterias no domingo de ondas de 6-8 pés quebrando na rasa bancada de corais de Cloudbreak


Um retorno com chave de ouro das Ilhas Fiji ao calendário do ASP World Tour. O quarto desafio da corrida pelo título mundial da temporada começou em tubos de 6-8 pés nas esquerdas de Cloudbreak, na ilha de Tavarua. Dos sete brasileiros no Volcom Fiji Pro, Adriano de Souza, Heitor Alves e Alejo Muniz estrearam com vitórias e passaram direto para a terceira fase. Já Gabriel Medina, Raoni Monteiro, Miguel Pupo e Willian Cardoso, que substitui o contundido Jadson André nesta etapa, perderam e vão ter que encarar a repescagem nas Ilhas Fiji.

A estreia do Brasil foi em dose dupla no quarto confronto do domingo e Adriano de Souza surfou o melhor tubo da bateria para derrotar o australiano Bede Durbidge e o catarinense Willian Cardoso por 10,60 pontos nas duas notas computadas. Mineirinho ocupa a quarta posição no ranking e está na briga direta pela liderança com mais oito surfistas que têm chances matemáticas de tirar o primeiro lugar de Joel Parkinson em Fiji.

Um deles é Kelly Slater, que não veio ao Brasil disputar o Billabong Rio Pro por causa de um corte no pé, mas se recuperou para competir no Volcom Fiji Pro. Só que ele e o australiano Kai Otton acabaram sendo mandados para a repescagem por um dos wildcards (convidados) desta etapa. Slater liderou quase toda a bateria, mas o australiano Mitchel Coleborn surfou o tubo mais incrível do dia para entrar na briga com uma nota 9,27, a maior do domingo em Cloudbreak. Ele ainda era o último colocado, mas nos segundos finais achou outro tubo para receber nota 8,10 e se tornar o recordista absoluto da primeira fase com 17,37 pontos.

Na disputa seguinte, Joel Parkinson confirmou o favoritismo em sua primeira defesa da liderança do ranking com uma "combination", quando a vantagem sobre os adversários ultrapassa os dez pontos, sobre o carioca Raoni Monteiro e o convidado das Ilhas Fiji, Isei Tokovu. Miguel Pupo perdeu para o campeão do Billabong Rio Pro na Barra da Tijuca, o havaiano John John Florence, com o também paulista Gabriel Medina ficando em último na vitória do francês Jeremy Flores.

O cearense Heitor Alves ganhou uma bateria fraca de ondas, com a maioria fechando rápido, contra os dois grandes talentos da nova geração de surfistas da Austrália e dos Estados Unidos, Julian Wilson e Kolohe Andino, respectivamente. Já o catarinense Alejo Muniz achou um tubaço para fechar a primeira fase com vitória do Brasil no domingo de esquerdas de mais de dois metros de altura quebrando na rasa bancada de corais de Cloudbreak. Os 15,27 pontos que ele computou para derrotar o taitiano Michel Bourez e o australiano Adam Melling ficaram em quinto lugar na lista dos maiores placares do Volcom Fiji Pro 2012.

"As ondas estão muito bonitas hoje e estou muito feliz por vencer a bateria", disse Alejo Muniz. "Eu não tive um começo muito bom nesta temporada, mas consegui um resultado muito bom em casa no Brasil e espero que eu possa continuar avançando baterias para melhorar minha posição no ranking. Como é minha primeira vez aqui, quero surfar muito mais essas ondas, ganhar o maior número de baterias que eu puder".

LÍDERES NA REPESCAGEM - Entre os concorrentes pela ponta do ranking, além de Kelly Slater, outros dois tropeçaram na estreia e terão que enfrentar uma rodada extra em Fiji, o número 5 Taj Burrow e o 3, Josh Kerr, que chegou a contundir o tornozelo e é dúvida para o duelo contra Taylor Knox. O adversário de Burrow é Willian Cardoso na segunda bateria da repescagem, que será aberta por Kelly Slater e o local de Fiji, Isei Tokovu.

Serão quatro confrontos diretos entre Brasil e Austrália na repescagem. No sexto, Gabriel Medina enfrenta Yadin Nicol. O sétimo será um desafio entre os dois vencedores das etapas do ASP World Prime realizadas no Brasil este ano, do campeão do Hang Loose Pro Contest em Fernando de Noronha (PE), Miguel Pupo, com o do Quiksilver Saquarema Prime encerrado domingo passado, Matt Wilkinson. E na última bateria, Raoni Monteiro pega o vice-campeão nas esquerdas de Itaúna que o derrotou na final desta etapa de Saquarema em 2011, Kai Otton.

SEGUNDA FASE - REPESCAGEM - 25.o lugar - US$ 7.000 e 500 pontos:
1.a: Kelly Slater (EUA) x Isei Tokovu (FJI)
2.a: Taj Burrow (AUS) x Willian Cardoso (BRA)
3.a: Josh Kerr (AUS) x Taylor Knox (EUA)
4.a: Julian Wilson (AUS) x Patrick Gudauskas (EUA)
5.a: Michel Bourez (TAH) x Fredrick Patacchia (HAV)
6.a: Gabriel Medina (BRA) x Yadin Nicol (AUS)
7.a: Miguel Pupo (BRA) x Matt Wilkinson (AUS)
8.a: Adrian Buchan (AUS) x Kieren Perrow (AUS)
9.a: Tiago Pires (PRT) x Kolohe Andino (EUA)
10.a: Brett Simpson (EUA) x Travis Logie (AFR)
11.a: Bede Durbidge (AUS) x Adam Melling (AUS)
12.a: Kai Otton (AUS) x Raoni Monteiro (BRA)

PRIMEIRA FASE - 1.o=Terceira Fase / 2.o e 3.o=Repescagem:
01: 13.67=Jordy Smith (AFR), 7.67=Fredrick Patacchia (HAV), 3.67=Brett Simpson (EUA)
02: 12.33=C. J. Hobgood (EUA), 8.86=Patrick Gudauskas (EUA), 6.10=Josh Kerr (AUS)
03: 11.00=Damien Hobgood (EUA), 10.16=Taylor Knox (EUA), 4.17=Taj Burrow (AUS)
04: 10.60=Adriano de Souza (BRA), 7.10=Bede Durbidge (AUS), 2.93=Willian Cardoso (BRA)
05: 17.37=Mitchel Coleborn (AUS), 13.50=Kelly Slater (EUA), 13.27=Kai Otton (AUS)
06: 15.93=Joel Parkinson (AUS), 8.33=Raoni Monteiro (BRA), 2.23=Isei Tokovu (FJI)
07: 14.87=Owen Wright (AUS), 11.50=Tiago Pires (PRT), 10.26=Yadin Nicol (AUS)
08: 15.66=Mick Fanning (AUS), 4.90=Matt Wilkinson (AUS), 2.00=Adrian Buchan (AUS)
09: 15.37=John John Florence (HAV), 11.73=Miguel Pupo (BRA), 6.33=Kieren Perrow (AUS)
10: 8.70=Heitor Alves (BRA), 6.70=Julian Wilson (AUS), 5.67=Kolohe Andino (EUA)
11: 13.80=Jeremy Flores (FRA), 7.50=Travis Logie (AFR), 6.00=Gabriel Medina (BRA)
12: 15.27=Alejo Muniz (BRA), 9.70=Michel Bourez (TAH), 9.97=Adam Melling (AUS)

TOP-22 DO ASP WORLD TITLE RACE 2012 - 3 etapas:
1.o: Joel Parkinson (AUS) - 19.700 pontos
2.o: Mick Fanning (AUS) - 18.250
3.o: Josh Kerr (AUS) - 18.200
4.o: Adriano de Souza (BRA) - 17.200
5.o: Taj Burrow (AUS) - 15.750
5.o: John John Florence (HAV) - 15.750
7.o: Jordy Smith (AFR) - 15.700
8.o: Kelly Slater (EUA) - 13.700
9.o: Jeremy Flores (FRA) - 12.250
10: Owen Wright (AUS) - 12.150
11: Julian Wilson (AUS) - 9.700
12: Michel Bourez (TAH) - 8.500
13: Adrian Buchan (AUS) - 7.450
13: Tiago Pires (PRT) - 7.450
15: Heitor Alves (BRA) - 6.250
15: Brett Simpson (EUA) - 6.250
15: C. J. Hobgood (EUA) - 6.250
15: Miguel Pupo (BRA) - 6.250
19: Alejo Muniz (BRA) - 6.200
19: Kai Otton (AUS) - 6.200
21: Travis Logie (AFR) - 5.250
21: Bede Durbidge (AUS) - 5.250
--------outros brasileiros:
23: Raoni Monteiro (BRA) - 4.000 pontos
29: Gabriel Medina (BRA) - 2.750
29: Jadson André (BRA) - 2.750
36: Willian Cardoso (BRA) - 500

João Carvalho - Assessoria de Imprensa da ASP South America


todos os programas

todas as notícias

1 |  2 |  3 |  4 |  5 
Próxima