woohoo news

notícia


5/3/2012

Chuva impede final e Bob Burnquist fica com o título do Oi Vert Jam 2012

Título foi definido pelo resultado da semifinal


O carioca Bob Burnquist, há anos radicado nos Estados Unidos, conquistou o título do Oi Vert Jam 2012. O toldo de mil metros quadrados que cobre a rampa não foi capaz de conter a forte chuva de vento que caiu na cidade, na manhã deste domingo, e molhou parte da rampa montada na Praça do Ó, Barra da Tijuca. Em nome da segurança dos skatistas, a organização do Oi Vert Jam e a World Cup Skateboarding, que realiza o Circuito Mundial, decidiram que a final não seria corrida e que, para efeito de pontuação, valeriam os resultados das semifinais, disputadas no sábado. O vice-campeão, segundo mais bem colocado no sábado, foi o inglês Paul-Luc Ronchetti, seguido pelo americano Andy MacDonald, que ficou com o terceiro lugar. Bicampeão do Oi Vert Jam, o skatista Marcelo Bastos, pré-classificado para a final, não teve a oportunidade de defender o título na rampa. A WCS decidiu, então, que a pontuação que ele obtiver na próxima etapa do Circuito, na China, valerá em dobro.
"A segurança dos skatistas está acima de tudo. Acredito que tenha sido a decisão mais sensata que poderíamos tomar", disse a organizadora do Oi Vert Jam, Marcia Casz. Dono da pista, o hexacampeão mundial Sandro Dias afirmou que, com a chuva forte da manhã, seria realmente impossível a disputa da final: "A madeira é inimiga da água. Não haveria tempo para a rampa secar".
Declarações dos skatistas
Bob Burnquist: "Não havia condições de a final acontecer. Mesmo assim, como o nível das semifinais foi muito alto, acho que o resultado acaba se justificando. Já vivi situações parecidas em outros campeonatos e o procedimento é sempre o mesmo".
Marcelo Bastos: "Queria ter andado, mas não há como controlar o tempo. Agora, é esperar abril (quando acontecerá a próxima etapa do Circuito Mundial, em Xangai) e buscar uma boa pontuação"
Andy MacDonald: "É sempre bom vir ao Rio e o tempo normalmente colabora. É pena não podermos andar na rampa hoje, especialmente por causa dos fãs, que prestigiaram o evento. Mas tivemos uma semifinal com o nível tão alto quanto seria o de uma final. Acho que (não haver a final) foi a decisão certa. Não seria seguro competir nessas condições".

O Oi Vert Jam tem o patrocínio de Oi, TNT e HD - Hawaiian Dreams. O evento é uma realização da IMX. O apoio é do Governo do Estado do Rio de Janeiro por meio da Secretaria de Estado de Esportes e Lazer.

SOBRE O OI VERT JAM
O Oi Vert Jam é um dos eventos de esporte radicais mais duradouros do Brasil. No calendário oficial da Cidade do Rio de Janeiro há dez anos, o campeonato se tornou aguardado a cada verão. Durante nove anos, teve sua estrutura montada no Parque dos Patins, contando com a beleza da Lagoa e do Corcovado como cenário para manobras para lá de radicais. Na primeira edição, em 2002, o título ficou com Sandro Dias, o Mineirinho. Em 2003, o dinamarquês Rune Glifberg se tornou o primeiro estrangeiro a vencer o torneio. Por causa de uma mudança de datas, o campeonato não aconteceu em 2004, sendo realizado em janeiro de 2005 com vitória de Bob Burnquist. O ano de 2006 marcou o tricampeonato do skatista carioca. Já em 2007, Sandro Dias voltou a brilhar. Bob Burnquist levou o quarto título do Oi Vert Jam, em 2008. O skatista Renton Millar desbancou a hegemonia brasileira, em 2009, e, nos dois últimos anos, 2010 e 2011, o título ficou com o paulista Marcelo Bastos.

SOBRE A OI
A Oi, empresa pioneira na prestação de serviços convergentes no país, oferece transmissão de voz local e de longa distância, telefonia móvel, comunicação de dados e internet. A Oi está presente em todo o território nacional. Em setembro de 2011, a empresa possuía 67,1 milhões de clientes. Deste total, 42,9 milhões estavam em telefonia móvel, 19,1 milhões em telefonia fixa, 4,8 milhões em banda larga e 330 mil em TV por assinatura. Pelo quarto ano consecutivo, a Oi integra o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&F Bovespa, refletindo o alto grau de comprometimento da companhia com a responsabilidade social e a adoção de práticas gerenciais sustentáveis. A Oi participa também da primeira carteira do Índice de Carbono Eficiente (ICO2) da BM&F Bovespa.

Sobre a IMX
A IMX é uma joint-venture de esportes e entretenimento dos Grupos EBX e IMG Worldwide. Com sede no Rio de Janeiro, atuação nacional e conexão internacional, a IMX nasce com o objetivo de ser uma das principais empresas do setor no país. As áreas de atuação dividem-se em três pilares: Esportes (criação e produção de eventos, consultoria e gerenciamento de talentos), Entretenimento (realização de shows e artes cênicas) e Venues (construção, gestão e operação de estádios, arenas e centros de convenções). O portfólio da IMX para 2012 inclui projetos como a gestão do time de vôlei RJX e eventos como UFC (MMA), Volvo Ocean Race (vela), Megarampa (skate), LPGA Brasil Cup (golfe), Mundial de Futevôlei 4x4, Travessia dos Fortes (natação), Vert Jam (esportes radicais), FMX (motocross), Desafio Corcovado (ciclismo), Rio International Triatlon e Rio Urban (cultura urbana), entre outros.

Mais informações:
RPM Comunicação
www.rpmcom.com.br


todos os programas

todas as notícias

1 |  2 |  3 |  4 |  5 
Próxima