AGUARDE
25 agosto 2016

Sônia Braga brilha na pré-estreia de "Aquarius"

Aclamado em Cannes, longa de Kleber Mendonça Filho teve sua pré-estreia carioca em novo espaço de cinema em Niterói

Na noite dessa quarta-feira, dia 24 de agosto, a cidade de Niterói, no Rio de Janeiro, contou com a inauguração de um novo pólo de cinema, o Reserva Cutural. A construção do icônico Oscar Niemeyer foi palco da pré-estreia de "Aquarius", longa de Kleber Mendonça Filho indicado à Palma de Ouro do Festival de Cannes desse ano.

O Reserva Cultural prioriza a exibição de longas independentes (Imagem: Wilson Spiler/Blah Cultural)

É inegável, para quem vê de perto, o amor que une todos os envolvidos com a produção "Aquarius". Elenco, diretor e equipe marcaram presença em peso na pré-estreia carioca do filme e mostraram a harmonia que compartilham e que torna mais forte seus protestos. Um deles é a classificação indicativa do filme, que foi definida para maiores de 18 anos e chocou, por exemplo, a protagonista Sônia Braga: É absurdo. Essa plateia de adolescentes menores de 18 anos nos interessa muito... são esses jovens que estão preparando o futuro do país.

Entre outras questões, o diretor também aproveitou a oportunidade para elogiar o trabalho de Sônia, dizendo que não saberia mais dizer onde acaba a atriz e começa a personagem, a "Clara". Para Kleber, mais do que o trabalho profissional, ele prioriza a "pessoa" dos atores, um dos motivos pelo qual o diretor acabou repetindo o elenco de "O Som ao Redor", seu primeiro longa. Sônia entendeu perfeitamente a Clara. O resultado é muito feliz e estou muito feliz por ela, por Clara e pelo filme. Reserva Cultural Depois de anos parado, o Centro Petrobras de Cinema foi, enfim, tomado pela Reserva Cultural, empresa que está há 10 anos no mercado de São Paulo. O espaço, que conta agora com sua segunda unidade no Brasil, é dedicado ao cinema latino-americano, europeu e às produções independentes, tudo sob o comando dos empresários Laure Bacqué e Jean Thomas Bernardini, que explica a escolha do local: Niterói, para mim, talvez seja, em proporção, a cidade mais cinéfila do Brasil.  


 

Tags:
COMPARTILHAR